10 clássicos para investir

Que clássicos comprar? Que carros é que se vão tornar clássicos? Comprar carros já restaurados ou por restaurar? Será caro manter um clássico? Será que vou ver retorno de investimento? São estas as questões que vou hoje responder para quem tem andado a pensar neste assunto. O mercado dos carros clássicos nunca teve tão animado e o saudosismo das máquinas com alma e carácter tem andado a dar a volta à cabeça dos entusiastas. 

Cada carro tem o seu valor e cada um valoriza-o de maneira diferente. No entanto todos os carros regen-se pelo mesmo modelo de desvalorização. Quando compramos um carro, mal ele sai do stand, desvaloriza entre 20 a 30% do seu valor e vai continuar a desvalorizar nos próximos 15 anos. Depois começa lentamente a valorizar. A forma como o carro valoriza depende de muitos factores. A popularidade do modelo, a raridade do modelo, o estado do carro... São vários factores que determinam a valorização e não existe uma fórmula mágica para a calcular, é tudo uma questão de sorte. 

Quanto à pergunta, devo comprar um carro restaurado ou por restaurar a questão é simples. Se não têm muito dinheiro para investir e não têm grandes conhecimentos onde comprar peças e como restaurar um carro então eu diria comprar um carro já restaurado. Restaurar um carro necessita de muitas horas de trabalho e muito dinheiro e o mercado dos clássicos está-se nas tintas para o sangue, lágrimas, suor e dinheiro que gastaram com o vosso clássico. Se o vosso carro clássico vale no mercado 7.000 euros no máximo e se para recuperar o vosso carro tiveram de gastar 12.000 euros no restauro o carro vai continuar a valer os 7.000 euros. E daqui passo para a questão do retorno de investimento. É tudo uma questão de sorte e de saber manter as coisas regra geral é não terem esse retorno mas existe sempre uma hipótese de valorização.

E manter um clássico é caro? Nem por isso! Carros antes de 1981 não pagam o IUC e os seguros dos carros clássicos podem ir até aos 25 euros por ano! É mais barato manter um clássico em termos de impostos e seguros do que um Smart.

Já chega de economia, vamos falar sobre carros! Quais são afinal os modelos que têm potencial para valorizar no futuro e tornarem-se em clássicos? Quais são os carros que podem valorizar no futuro?  Decidi fazer uma lista com 10 automóveis relativamente baratos de comprar. Certamente não vão ficar podres de ricos se investirem nestes carros mas pelo menos podem se divertir à grande sem gastar uma fortuna.

1. SAAB 900



A SAAB sempre foi uma marca de excelente qualidade e fiabilidade que por alguma razão nunca se tornou popular. É raro ver um SAAB nas ruas (e nos próximos anos vai ser muito mais raro já que a SAAB morreu) no entanto para os conhecedores de automóveis é um carro muito bom para ter na garagem. Existem 2 tipos de SAAB's 900 os clássicos e os da geração GM, sendo os últimos mais fáceis de encontrar peças e fazer manutenções. O SAAB 900 era um carro que tinha muitas características próprias como o motor montado ao contrário, ou seja a força do motor era directamente distribuída pelo eixo dianteiro, também tinha a transmissão colocada debaixo do motor tal como o Mini. A estética do automóvel é também única graças ao vidro dianteiro alto proporcionando ao condutor uma visão espectacular da estrada e arredores e a forma de abrir o capot também é um pormenor delicioso. Claro que os carros mais valiosos são os SAAB 900 clássicos que foram construídos entre 1979 e 1994. Os modelos mais apetecidos são os Turbo descapotáveis ou coupé mas se alguma vez virem um SAAB 900 Carlsson então agarrem-se a ele pois foi um modelo especial feito em memória do piloto de rally's sueco Erik Carlsson. Só 600 foram feitos. O motor deste SAAB 900 Turbo debita 188 cavalos. É possível encontrar SAAB's 900 no Standvirtual e em fóruns da marca por restaurar entre 1300 a 2500 euros, restaurados encontram um SAAB 900 Turbo Coupé com 136 cavalos à venda no Standvirtual por 3950 euros.

2. Mercedes-Benz 190 (1982-1993)



Alguns dizem que o modelo 190 da Mercedes foi demasiado desenvolvido pelos engenheiros na altura em que saiu. A Mercedes gastou 600 milhões de libras em investigação e desenvolvimento para este modelo em especial. A suspensão 5-link traseira é única e patenteada pela Mercedes, tinha estabilizadores traseiros e dianteiros, tinha ABS, tinha Airbags... Basicamente tinha tudo o que um carro seguro deve ter hoje em dia. É um carro fiável e existem muitas peças para este modelo pois foi um carro bastante popular, mais de  1,8 milhões foram feitos. Os modelos mais apetecidos são sem dúvida o 2.3 litros (185cv) e 2.5 litros (204cv) de 16 válvulas preparados pela Cosworth (sim antes da divisão AMG a Cosworth fazia a preparação dos Mercedes-Benz para competição automóvel). Ainda assim se não encontrarem nenhum exemplar da Cosworth ou se não tiverem dinheiro para o comprar, ter um Mercedes destes pode ser excelente como carro de trabalho e ou carro de lazer pois paga pouco seguro e de impostos penso que já está isento.

3. Alfa Romeu GTV 2.0/GTV6 (80/90)



Um Alfa Romeu sempre foi um objecto de desejo e enquanto os GTV's da década de 70 custam uma quantia considerável de dinheiro os da década de 80 e 90 são bastante acessíveis e bonitos. Se virem um com um V6 debaixo do capot ainda melhor. É certo que os Alfa's de antigamente não eram famosos pelos problemas que tinham a nível de fiabilidade mas ainda assim são carros extremamente bonitos e populares. Quem sabe se os modelos de 80/90 não valorizem para os preços dos da década de 70?

4. Porsche 914 e 924



Toda a gente sabe que os Porsche's mais desejados e mais valiosos são os 911 mas estes Porsches que foram desenvolvidos em conjunto com a VW estão a tornar-se cada vez mais populares e o seu preço tem vindo a subir. O Porsche 914 foi o primeiro carro a ser feito em cooperação com a VW. Era um pequeno descapotável com motor central e tracção traseira. Estes Porsche's ainda estão a um preço relativamente baixo devido à mecânica VW (se bem que existe um modelo 914 com motor Porsche). É possível encontrar um Porsche 914 no Standvirtual por 7800 euros
O modelo mais raro é o do motor Porsche de 6 cilindros mas fiquem já muito contentes se acharem um 2.0 litros 101cv em bom estado pois esse já vai valer bastante dinheiro.



O 924 foi outro modelo fruto da cooperação da VW e da Porsche que está a valorizar. O que era para ser um desportivo de alta gama para a VW acabou por ser um desportivo de baixa gama para a Porsche. O facto do motor 2.0 litros ser o mesmo do Audi 100 e do VW LT faz com que seja relativamente fácil encontrar peças. Este foi também o primeiro carro do mundo a ter o pára-choque integrado com a carroçaria e pintado da mesma cor. Podem encontrar-se Porsche's 924 no Standvirtual por 5900 euros com o motor 2.0 de 125cv. Um carro destes pode valer 12.000 euros se estiver em estado de concurso.

Apesar de não serem os Porsche's mais apetecidos o estigma de ter mecânicas Audi e VW começa a desaparecer à medida que o tempo passa e os 914 por exemplo já podem custar no mercado mais de 18.000 euros. 

5. Honda S2000



O Honda S2000 é um carro que dispensa apresentações e apesar de ainda não ser um clássico e de não ter desvalorizado tudo este carro está quase a chegar aos 15 anos e a partir daí o seu valor pode aumentar e muito! Este carro foi construído para celebrar o 50º aniversário da Honda e em termos de engenharia tem alguns feitos fantásticos como por exemplo o motor ir até às 9000 RPM ou existirem 120 cavalos em cada litro do motor sem recurso a turbos! Foram feitos cerca de 112 mil Hondas S2000 em todo o mundo e infelizmente podem ter a certeza que muitos deles já acabaram fatalmente em acidentes e muitos outros foram alvos dos tunners. Daí que possuir uma máquina destas original e em bom estado de conservação pode valer muitos euros no futuro. É sem dúvida um carro a ter debaixo de olho nos próximos anos.

6. BMW 2002



O BMW 2002 foi o modelo que salvou a BMW da morte certa na década de 70. O design é como nunca se tinha visto na altura e existem modelos com motores que conseguem entregar uma considerável dose de divertimento. O BMW 2002 por si só já não é nada mau. O motor 2.0 com 109 cavalos. Mas se formos para as versões Ti com 120 cv e a versão Tii com 132 cv a diversão aumenta consideravelmente. Também existe a versão Turbo que é a mais rara e cara que contém 170 cv de potência. Comprar um 2002 já não é mau, mas se formos para a liga dos Ti e dos Tii as coisas já mudam de figura. o Ti até consegue ser mais difícil de encontrar do que um Tii mas tanto um como o outro são máquinas raras e já têm um preço considerável. No Standvirtual consegue-se encontrar um Tii a um preço relativamente acessível. Já o Ti conseguem encontrar um no custo justo por um preço baixo mas precisa de muito trabalho de recuperação. Ainda assim, seja qual for a vossa escolha a febre dos 2002 está para ficar e é um clássico que pode valer a pena investir.

7. Land Rover Range Rover



Para quem gosta de jipes o Range Rover pode ser uma solução. São dos carros mais duros e fiáveis alguma vez feitos pela humanidade e até têm um nível de conforto e luxo bastante acima da média. É um carro que consegue misturar o trabalho e o prazer de uma forma exemplar. É certo que muitos destes carros foram feitos com motores diesel mas também temos disponíveis grandes V8 de 3.9 litros capazes de desenvolver 185 cavalos de potência e torque suficiente para colocar um pequeno planeta a girar ao contrário.

8. Jaguar XJ6



Se o vosso sonho é ter um carro de luxo com características desportivas então o Jaguar XJ6 é uma boa aposta. É possível encontrar alguns à venda por 10.000 euros mas também não é difícil encontrar alguns que a um preço mais baixo do que esse. Ter um Mercedes-Benz 190 dá estilo mas percorrer as ruas da vossa cidade montados num Jaguar XJ6 eleva o status a outro nível e tudo a um preço de um Toyota Aygo novo em folha.

9. Mazda MX-5



O Mazda MX-5 foi talvez o primeiro roadster low-cost do mundo a ter muito sucesso. As linhas do carro são lindas, a mecânica é simples e super fiável e o carro é pequeno e leve. Mesmo o motor 1.6 de 115 cavalos é o suficiente para se divertirem. No entanto o modelo que devem sempre tentar comprar é o motor 1.8 de 140 cavalos. Este Mazda MX-5 está quase a chegar aos 25 anos e o seu valor continua a ser acessível. Pode não valorizar muito no futuro mas podem ter a certeza que não vão perder dinheiro com a compra deste pequeno descapotável japonês.

10. Mazda RX-7 (FC)



Ainda na Mazda não podíamos deixar de fora o RX-7, o famoso desportivo japonês com rotary engine. Existem 3 tipos de RX-7: Os SA/FB (construídos entre 1978 - 1985) os FC (construídos entre 1986 - 1991) e os FD (construídos entre 1992 - 2002), enquanto que os SA/FB são extremamente difíceis de encontrar à venda e os FD são ainda extremamente caros, os FC são aqueles que estão mesmo ao preço certo. O design do carro faz lembrar o Porsche 944 e no que toca a potência, os FC podiam ir até aos 200cv na versão Turbo que é também a versão mais rara e apetecida. Também existem versões cabrio que são um pouco difíceis de encontrar e que podem ser perfeitas para quem acha que o MX-5 não tem poder suficiente para ser um desportivo sério. 

Podía estar aqui a apontar carros que são clássicos e outros que estão em vias de ser o dia todo mas penso que esta lista de 10 automóveis pode servir como base para começar. Temos carros para todos os gostos e necessidades. Desde pequenos desportivos até aos grande automóveis luxuosos está aqui um clássico ou semi clássico para todos nós. 






1 comentário

Mensagens populares